A dor no meu vegeta

Já voltei há uns dias, mas ando não sei bem como.
Não tenho tido disposição para escrever nada. Para fazer nada.
E agora também não consigo virar a cabeça para o lado esquerdo, dói-me o músculo do Vegeta. Parece que se chama deltóide, mas o Vegeta tem-no para ali tão desenvolvido que uma renomeação impõe-se. E antes que perguntem, sim, eu fui da geração que faltava às aulas para ver o Dragon Ball. Porquê? Não faço ideia. Já passou. A dor no meu vegeta também há-de passar.
Espero eu.

(Isto foi só um ensaio para ver se me passa a ressaca das férias, que dói bem mais que o Vegeta, e me recordo de como se publica nesta coisa. Ora vamos lá: Botão azul. Publicar.)

11 comments
  1. O Vegeta, para além do início de problemas capilares evidentes, nesta fase parecia estar a entrar numa crise de meia idade. Senão vejamos:

    – Excesso de tempo no ginásio
    – Brinquinho com muito bling, mas meio desadaptado ao resto do cenário.
    – Sempre pronto a meter-se em confusões
    – Curte andar com pessoal mais novo, tipo os filhos do seu buddy (às vezes) Son-Goku.

    Como vês, apesar dos benefícios musculares, Vegeta pode ter muito mais com que se preocupar do que tu.

    É só um incentivo.

    1. Completamente. Escolhi esta imagem porque a cena do brinco deu cabo de mim. Não me lembro porque é que aquilo ali está, mas é preocupante, sim.
      Considera-me incetivada!

  2. Também não sei porque faltava às aulas para ver o Vegeta… nem porque ele era o meu favorito…
    Vá voltando!

    1. Também era o meu favorito! Antes de ficar louro…

  3. Com um cabelo espetado daqueles, não sei porque não lhe colocaram umas calças a cair pelo cu abaixo. Fazia pandan. Ou pandam. Ou mesmo pendant. O google não se decide.

    Volta que fazes falta.

    1. O Vegeta é lindo! Eu volto… tenho andado a vegetar!

  4. ahaha, eu tb via o dragon ball no intervalo das aulas !!!

  5. ahaha, eu tb via o dragon ball no intervalo das aulas !!!

  6. O brinco era para a “fuuuu…sããão”.

  7. Creio que esse Vegeta não será o deltóide, mas sim o esternocleidomastoideu :p

    1. Não, é mais no ombro e menos no pescoço. :) Esse eu sei qual é!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.