Eu também sou Capaz

De repente tenho mais uma filha, um emprego novo, dois cabelos brancos que não tinha o mês passado e muito medo não ser capaz. Que melhor altura para ver um texto meu publicado no projecto Capazes?

capazes1

Não é uma novidade para os meus leitores habituais, mas passem por para ver como fica bonito entre tantos bons textos e ideias. Gostei tanto de o ver que pode ser que um dia destes me dê para escrever mais qualquer coisa.

Para quem não conhece o projecto, é clicar aqui.

Capazes_ID-04

6 comments

  1. Maria Fátima Soares

    Parece que infelizmente a todas já nos “cumprimentaram” com esses inesquecíveis elogios que ferem a alma de meninas que nunca mais esquecem. Indigna-me que ainda hoje as mulheres estejam tão indefesas. Sejam tão vistas, por alguns, como quem enche chouriços numa linha de montagem. É tão triste, somos tão capazes e tão fortes, mas não conseguimos deter isto, nem armarmo-nos duma forma inexpugnável de modo a que como a si 24 anos passados ainda doa e a mim e a outras. Parabéns pelo post.

Post a comment

You may use the following HTML:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>