Sete cabeças e uma resolução

Já há tempos que sei que não moram lobisomens debaixo da minha cama nem há ciclopes dentro do armário. O Pai Natal, esse, pediu-me emprestado este ano as minhas botas altas e a peruca loura de Kurt Cobain, por isso também já não o acho assim muito credível. O que tenho visto muito por aí, infelizmente, são bichos de sete cabeças. Tantos, tantos que tenho continuado a acreditar neles. Por isso, a minha resolução de ano novo não tem nada a ver com dietas detox e planos de poupança. Este ano vou matar todos os bichos de sete cabeças que há por aí. O que vivia na minha está aterrorizado. Vai ser o primeiro a ir.

Um bom ano livre de bichedo para todos vocês!

9 comments
  1. Bota fora mesmo! Bom ano!

    1. Mas deixamos ficar as jibóias, OK? ;)

      1. Essas não são negociáveis ;)

  2. Olha que bela resolução!
    Acho que vou aproveitar e espantar os meus também!
    Xô, bichedo!

    1. Se precisares de ajuda, I’m your woman!

  3. Um grande ano para ti. Que se realizem todos os teus sonhos.

    homem sem blogue
    homemsemblogue.blogspot.pt

    1. Obrigado! Para ti também!

  4. Por falar em matar o bicho, aquele peganhento do Iran Costa ainda é vivo?

    Fora isso, sou apologista de qualquer resolução que meta medo, seja a nós próprios, seja aos outros. É uma forma de não acumular stocks de adrenalina.

    1. Era de pensar que já tivessem feito uma mala ou uns sapatos com o homem, mas parece que não.

      Espero não ter muito medo. É coisa que me desconsola um bocado, mas lá para isso da adrenalina é útil, sim senhor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.