Teachers pet

Queridos amigos que ainda não pararam de fazer mestrados desde que saímos todos da faculdade e cujas carreiras estão de vento em popa, e se não estão deviam estar, à conta de tanto torrarem euros e miolos nessas coisas, parem de me esfregar na cara que eu não estou a fazer ponta de corno mais que trabalhar das 10 às sabe-se lá quantas. Se me voltam a pedir que responda a mais um inquéritozinho que seja sobre chocolates, comida biológica, marcas de roupa ou compras online, vou-vos às trombas. E não se esqueçam que sou maior que vocês. Era até por isso que tinha melhores notas na escola, os profs tinham todos medo de mim. Ou pelo menos foi o que o meu pai me disse que se passava cada vez que lhe mostrava um 18. Continuo grandota mas tenho um ar menos ameaçador agora que já não me visto só de preto e por isso não faço cá mestrados. Já não intimido ninguém a validar-me uma tese.

———-
Ilustração de Nathan Aardvark

10 comments

  1. Sue

    De tanto tu falares da tua altura impropria para pessoas com vertigens…eu já te imagino um autêntico colosso! Qualquer dia, passa por mim na rua uma rapariga com altura digna de Alexandra e eu ainda a confronto… :P

  2. Gasper

    Aii mulher que tu falas tão bem! É deveras irritante, ainda por cima usam o fraco argumento “Anda lá, só leva 5 min. a preencher” Então e o tempo que levo a insulta-los depois, não conta?

  3. Back Door Man

    É pá, se realmente não estás a fazer grande coisa não há como recusar isso ao pessoal que continua a queimar pestanas! Os amigos são para as ocasiões Alexandra, a grande!

    (e sim, isto é para provocar. Digamos que tenho um especial fascínio por mulheres zangadas. Acho-lhes graça!) ;)

Post a comment

You may use the following HTML:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>